Logo da Klivo

01/06/2022

Cuidados com a saúde nas festas de São João

Saiba como manter os cuidados com a sua saúde durante as festas juninas e aproveite o melhor do São João.

Festa junina

Cuidado com a saúde

Cuidados com a saúde nas festas de São João

Neste artigo você vai aprender dicas para manter sua saúde em dia sem deixar de aproveitar as festas juninas, incluindo os quitutes! 

O que você vai ler neste artigo:

Tradição antiga

Cuidados com a alimentação

Corpo em movimento

Cuidados extras

Atenção multidisciplinar

Tradição antiga

As festas juninas chegaram ao Brasil por volta do século XVI (16), trazidas pelos portugueses no período de colonização. O crescimento dessa festividade aconteceu principalmente no nordeste, onde inclusive acontece a maior festa junina do país, em Campina Grande. Mas a comemoração, que se tornou uma tradição entre os brasileiros, domina todas as regiões do país, cada uma delas com sua própria versão dos festejos juninos.

Mas, existem também muitos elementos que compõem as tradições juninas, que são comuns em todos os cantos do Brasil. Entre eles podemos citar as danças típicas, como a quadrilha, a decoração colorida, os trajes caipiras e, principalmente, as comidas típicas. 

Com esses elementos a festa está garantida! Mas, para que você possa aproveitar a data da melhor maneira, neste artigo trouxemos algumas dicas que vão te ajudar a manter os cuidados com a sua saúde e garantir a diversão. 

Cuidados com a alimentação

Bolo, canjica, pamonha, pipoca, pé de moleque, curau, quentão... As comidas típicas das festas de São João já caíram no gosto dos brasileiros e são um dos principais elementos dessa data. São inúmeras as opções de pratos, que variam de acordo com cada região do país e nos fazem ficar com água na boca. Há quem diga que os quitutes juninos são tão bons que valem a pena esquecer da dieta para saboreá-los. Mas não é preciso abrir mão de uma alimentação saudável para curtir as guloseimas! É possível mantê-la baseada em alimentos in natura ou minimamente processados, seguindo as recomendações do Guia Alimentar da População Brasileira do Ministério da Saúde. Para isso, preparamos algumas orientações que podem te ajudar. Confira

Evite pratos baseados em alimentos ultraprocessados, como sorvetes, embutidos (salsichas, presunto, etc.) e bolos industrializados;

Opte por comidas feitas com alimentos in natura, como milho, coco e mandioca. O ideal é que você mesmo prepare os quitutes, assim será possível selecionar ingredientes de qualidade, evitando ultraprocessados ricos em sódio, açúcares, gorduras de má qualidade e aditivos químicos

Sempre que possível, faça substituições, trocando itens prejudiciais à saúde por opções mais saudáveis. Quando não for possível fazer essas substituições, utilize com moderação açúcares, gorduras e sal

Saboreie os alimentos com moderação e sem pressa. Ao comer devagar, o seu organismo vai dar sinais mais claros quando estiver saciado, evitando que você coma mais do que o necessário.

Evite o consumo excessivo de bebidas alcóolicas e ricas em açúcar. Ao invés disso, opte por sucos naturais e água. Assim você mantém a hidratação do seu corpo e cuida da sua saúde

Viu como a alimentação saudável não precisa ser um bicho de sete cabeças? Seguindo algumas orientações simples, prestando atenção aos alimentos que você consome, levando em consideração sua procedência e ingredientes, é possível saborear os quitutes juninos e se divertir!

Corpo em movimento

Agora que você já entendeu alguns pontos importantes a respeito da alimentação nas festas juninas, vamos conversar sobre outro componente que podemos incluir em nossa rotina durante essa época do ano (e em todos os meses também!): a atividade física. 

As festas de São João são uma excelente oportunidade para colocarmos o nosso corpo em movimento através da atividade física. E a melhor parte é que podemos fazer isso brincando. Como? Através das gincanas, dança e jogos típicos desta data comemorativa. Algumas opções que podem ser praticadas por adultos ou pela criançada são:

Cabo de guerra;

Corrida do saco;

Corrida do ovo na colher;

Corrida de três pernas;

Quadrilha;

Pular fogueira (utilizando uma fogueira de mentira!).

Depois de incluir essas brincadeiras durante as festas, quem sabe você não se inspira e começa a praticar alguma outra atividade física?! Mas lembre-se de buscar orientação profissional, contando com o apoio do seu médico de referência e de um profissional da educação física. 

Saiba mais lendo o artigo “Como escolher a atividade física mais adequada para mim?”

Cuidados extras

Além dos aspectos que citamos anteriormente que devem ser levados em consideração na hora de aproveitar as comemorações, existem outros elementos típicos das festas juninas com os quais também precisamos ficar atentos: as fogueiras e os fogos. Isso porque eles podem causar diversos danos a nossa saúde, como:

Queimaduras na pele - muitas vezes causadas pelo manuseio incorreto dos fogos de artifícios e fogueiras, elas também podem acontecer durante o preparo de pratos e bebidas quentes que são tradicionais nessa época, usar as bocas de trás do fogão e se atentar ao posicionamento dos cabos das panelas ajudam a prevenir alguns desses acidentes. 

Danos aos olhos -  as fogueiras e os fogos  podem provocar queimadura na córnea e traumatismos oculares até perda de visão, além de coisas simples como irritações nos olhos para aqueles que já possuem histórico de alergia ocular. Os fogos devem ser acendidos distantes do rosto, nas fogueiras evite jogar materiais que podem explodir ou que sejam inflamáveis

Problemas respiratórios - a fumaça proveniente das fogueiras podem provocar irritação das vias aéreas e causar incômodos no sistema respiratório, principalmente no caso de pessoas que já possuem alguma doença respiratória, como asma ou bronquite. Ficar distante e evitar permanecer por muito tempo onde estiver a fumaça, podem reduzir as chances de desencadear uma crise respiratória

Levando em consideração esses riscos, a principal recomendação é de que as pessoas fiquem o mais longe possível das fogueiras e dos fogos. Caso haja algum acidente, como uma queimadura, é importante não utilizar nenhum remédio caseiro e buscar atendimento médico imediatamente. 

Atenção multidisciplinar

Como você pôde perceber, existem diversos aspectos que precisamos prestar atenção para garantir a melhora e manutenção da nossa saúde, que não pode ser descuidada nem mesmo em datas comemorativas. Para que essa atenção seja completa e gere bons resultados, é importante contar com a orientação de um time completo de profissionais, desde médicos, enfermeiras, nutricionistas, preparadores físicos e psicólogos. 

Quer ter um acompanhamento especial da sua saúde, recebendo dicas e orientações de um time multidisciplinar? Conheça a Klivo!

Siga também as nossas redes sociais e fique por dentro dos principais conteúdos sobre saúde e bem-estar.